segunda-feira, abril 16, 2012

Wishlist 2012

Acho que me esqueci de a fazer, mas vamos sempre a tempo, porque, parece, o ano só começou para mim estes dias, depois de sobreviver a um acidente de carro e a estilhaços e despojos de uma guerra imprevista, interna, consta; de azares e outras coisas mundanas que mais parece que alguém há-de ter rogado uma praga (antítese de mim), como se estivesse destinada a dar errado. Mas vai dar tudo certo, sabemos. E eu deveria ter sabido de como seria o arranque de ano porque comecei-o a levar com uma bola, que parecia globo, forrado de espelhos, tipo anos 80, precisamente no primeiro do ano, na cuca. Foi a primeira pancada na cabeça, ou galo; a segunda viria em finais de Fevereiro num bar-café do Porto chamado Candelabro, com direito a gelo e nódoa negra e aquele alto de galo cantante. O terceiro (e de vez) depois do acidente. Cumprida a tríade de poleiro na minha cabeça, acho que estou apta para reinventar a vida e sacudir coisas velhas. Daqui em diante, recomeçamos, porque no fim, sempre o fazemos. Logo, a wishlist 2012 tem vida:

- Viajar-viajar-viajar;
- Fotografar;
- Realizar os projectos planeados (work in progress);
- Voltar ao desporto intensivo (já estou a tratar disso) e a uma arte marcial (idem);
- Fazer um curso de medicina védica (check);
- Escrever aquilo; plantar a árvore e o filho há-de vir para depois;
- Viver um grande amor (disse-me um passarinho verde).  
- Mimar e continuar a ser mimada pelos amigos e meus;
- Realizar e viver algo novo, não planeado.
- Mens sana, in corpore sano.
- Ir
- Não me esquecer de me lembrar de mim acima de tudo. Está visto que ninguém merece a perda da nossa energia.

3 comentários:

Cris =) disse...

Como à terceira costuma ser de vez, pensa que até ao final do ano já não mais nada que te atinja ;)

Estou contigo em quase todos os objectivos. Claramente nos 2 primeiros e no último.

Escrever não é a minha onda, filhos para já tb não... poderei não plantar uma árvore mas de certeza que vou fazer algo nobre desse género.

Espero que estejas melhor. Um beijinho!

Vanessa Rodrigues disse...

Estou óptima Cris, obrigada. O ombro não ficou, honestamente, muito bem e tenho algumas contracturas nas costas, mas já estou a nadar, correr e mais uns quantos exercícios a ver se o corpo relaxa e fico na linha. Obrigada. Beijo muito grande.

Cris =) disse...

Uma boa massagem também deve ajudar. Posso te recomendar 2 pessoas se ainda não conheceres ngm. Bjinhos e continuação das melhoras!