segunda-feira, agosto 07, 2006

As mãos, Al Berto

"As mãos pressentem a leveza rubra do lume
repetem gestos semelhantes a corolas de flores
voos de pássaro ferido no marulho da alba
ou ficam assim azuis
queimadas pela secular idade desta luz
encalhada como um barco nos confins do olhar
ergues de novo as cansadas e sábias mãos
tocas o vazio de muitos dias sem desejo e
o amargor húmido das noites e tanta ignorância
tanto ouro sonhado sobre a pele tanta treva
quase nada "

Al Berto

2 comentários:

Anónimo disse...

Looking for information and found it at this great site... video editing programs

Anónimo disse...

Very cool design! Useful information. Go on! bmw dealer forex broker Breast reduction quit smoking duck jerky in the oven Arena football sponsors